2006-02-02

Sombras



Vi a tua forma esguia
como a chama de uma vela,
fogo que tremeluzia,
luz que as sombras alongava.

Era noite.
A ventania
batia forte à janela.

Sei que o teu corpo tremia,
sei que o teu corpo queimava
e que ao nascer novo dia
ainda a noite brilhava,


Foto de aniw

6 Comments:

Blogger wind said...

Um dos poemas de amor mais bonitos que tem:)

11:54 da manhã  
Blogger tecum said...

lendo poema, vendo a imagem escolhida.

excelentes!

7:10 da tarde  
Blogger paper life said...

:)

7:37 da tarde  
Blogger Su said...

gostei de ler-te
jocas maradas

8:15 da tarde  
Blogger Lyra said...

lindo! lindo.

10:43 da tarde  
Blogger mghorta said...

Lindo...

Parabéns :)

10:38 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home